Alvéolos Pulmonares – TUBERCULOSE e PNEUMONIA

medo da morte

A compreensão dos pulmões sob a ótica da Nova Medicina Germânica é muito interessante, e resolve uma questão muito polêmica da medicina convencional: as metástases.

Vamos primeiro falar sobre as “metástases”. De acordo com essa versão da história, células cancerosas que estão se proliferando em um órgão específico podem se locomover através da corrente sanguínea e se alojar em outros órgãos completamente diferentes. Ou seja, significa que células do intestino (com propriedades e especificidades de células intestinais) poderiam resolver sair de onde estão, “caminhar” até os pulmões e lá assumir funções de células também com propriedades e especificidades de células alveolares. Além disso, sabemos que certos tumores, estatisticamente, costumam gerar metástase em órgãos específicos, e um dos mais afetados por esse “fenômeno” são os pulmões.

Entendamos isso um pouco melhor…

Os alvéolos pulmonares são responsáveis pelo intercâmbio gasoso (captação de oxigênio e expulsão de dióxido de carbono). Em outras palavras, tomam conta da respiração. O conflito que afeta os alvéolos é o medo ou pânico da morte, acreditar que a morte está iminente – morte própria ou de outrem.

E é aqui que está a explicação das supostas metástases: Por que a maioria dos tumores gera metástase no pulmão? Na verdade, não se trata das células cancerosas que se transportaram, mas de um novo choque biológico decorrente do diagnóstico. “Você tem câncer” – qual sentimento você acha que uma pessoa tem após receber essa notícia? Exatamente… medo de morrer, pois as pessoas aprenderam que o câncer é uma doença terrível à qual poucos sobrevivem.

Na fase ativa desse conflito ocorre a proliferação celular dos alvéolos (adenocarcinoma alveolar), para melhorar o aproveitamento do ar e aumentar as chances de sobrevivência, já que a respiração é o combustível biológico da vida.

Após o medo da morte ser resolvido, o crescimento do tumor cessa, e tem início a ação de fungos e micobactérias de tuberculose (tuberculose pulmonar; pneumonia).

Mais um detalhe importante: você já teve cravos no rosto, peito ou costas? Se a resposta for sim, teve medo que eles fossem para os pulmões ou ossos, na forma de metástase? Pode ser que você esteja se perguntando o que uma coisa tem a ver com a outra, pois talvez você não saiba que cravos são adenocarcinomas das glândulas sebáceas… Isso mesmo, cravos são tumores, são “câncer”. E a única diferença entre um câncer intestinal e um cravo é que nunca lhe contaram nada sobre o segundo que o fizesse ter medo…

 

Yuri Alexander – Terapeuta
(45) 99997-0808
(45) 3038-1101 – Unoclin Terapias
terapeutayuri@gmail.com
www.terapeutayuri.com
https://www.youtube.com/channel/UC0cCLg880I7ZIdgcRfEpAIA

 

 

 

Um comentário em “Alvéolos Pulmonares – TUBERCULOSE e PNEUMONIA

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: